Iluminador: tudo o que você precisa saber sobre esse produtinho mágico-Demosuco

Iluminador: tudo o que você precisa saber sobre esse produtinho mágico

Você deve ter notado que cada vez mais, as maquiagens iluminadas tem ganhado mais o coração dos amantes de maquiagem. 

Isso tem acontecido porque a pele iluminada passa um ar de pele saudável, bem cuidada e jovem (que são o desejo de toda mulher que se cuida, né?). 

Os iluminadores de maquiagem são os grandes aliados para alcançar o efeito glow tão almejado. Ao aplicar o seu iluminador nos lugares certos do seu rosto e corpo, você consegue um resultado muito mais glamouroso.

Assim como os outros componentes de uma make perfeita, como o blush, a base e o corretivo, o iluminador também te traz diversas opções de tonalidades e texturas.

Por isso, é importante você saber escolher a cor e a textura do produto de acordo com o seu tom e tipo de pele, para que você consiga o melhor resultado.

Para te ajudar nessa escolha, vamos te explicar tudo o que você precisa saber antes de escolher o seu iluminador!

Qual é a função do iluminador na minha make?

O iluminador é utilizado na hora de finalizar a sua maquiagem com a função de adicionar brilho e destaque nas áreas onde ele é aplicado. O objetivo desse cosmético é gerar efeito de viço natural, te deixando com aquela cara de riqueza, sabe?

Por ser usado para destacar algumas regiões do seu rosto ou corpo, você não deve aplicá-lo onde você gostaria de disfarçar porque o resultado será o contrário do que você espera.

Por exemplo, se você tem um rosto redondo, não faz sentido aplicar o iluminador nas laterais do seu rosto se você quiser afiná-lo. Neste caso, o ideal seria utilizar um pó para contorno facial nesta região.

Além de destacar alguns pontos do seu rosto, o iluminador pode ser usado para realçar os seus olhos, afinar o rosto e diminuir o nariz em conjunto com o seu contorno facial. Esse combo pode fazer mágica porque ele irá te ajudar a moldar e distribuir o volume no seu rosto!

Você pode usar o iluminador tanto durante o dia como a noite, ou seja, você pode ficar com a pele bonita e luminosa em qualquer ocasião. Vale lembrar também, que o iluminador pode ser usado em outras áreas do seu corpo também, como pernas, pescoço e seios. 

Quais são os tipos de iluminador? 

A gente sabe que ao chegar na perfumaria ou loja de cosmético de preferência, você irá se deparar com muitos tipos de iluminadores e isso pode acabar te deixando confusa e insegura para comprar-lo. Por isso, vamos te explicar os principais tipos de iluminador que você irá encontrar no mercado. São eles:

  • Em creme;
  • Em pó;
  • Líquido;
  • Bastão;
  • Lápis;
  • Em gel;
  • Em gloss.

Existem sete principais tipos de iluminadores, sendo que a maior diferença está na consistência, textura e na forma de aplicação de cada um. 

Além de te apresentar os tipos de iluminadores, também iremos te contar quais são as cores que você irá encontrar naquela textura e a forma mais apropriada de aplicar no seu rosto.

1) Iluminador em creme

Esse é o tipo de iluminador mais prático para quem precisa fazer uma make rápida, levar na bolsa, necessaire ou para uma viagem. 

Apesar de toda praticidade, é a textura menos apropriada para dias quentes e peles oleosas porque tem a tendência em “derreter” e acabar saindo mais rápido. Por isso, é mais indicado para quem tem a pele com uma tendência mais seca

Você pode aplicar o iluminador em creme utilizando a ponta dos seus dedos, com um pincel para maquiagem ou uma esponjinha. 

Os tons mais encontrados nesse tipo de textura são os cintilantes, em pérola ou mais para o champanhe.

2) Iluminador líquido

Os iluminadores líquidos costumam lembrar os iluminadores em creme, mas eles se divergem quanto a sua textura.

O iluminador na forma líquida tem uma consistência mais fina e fluida enquanto que na versão em creme, esse cosmético possui uma textura mais densa. 

Você pode usar esse iluminador antes de passar a base, ou seja, por baixo da maquiagem ou por cima.

Para aplicar por baixo, você pode utilizar a pontinha dos seus dedos, o pincel de maquiagem ou a esponjinha. Nesse caso, o pincel língua de gato é o mais apropriado para espalhar na pele. 

É muito importante que você se lembre de selar a maquiagem com uma camada bem fininha de pó compacto facial por cima para evitar oleosidade e fixar o seu iluminador e fazer com que a sua make dure mais tempo. 

Esse tipo de iluminador é muito versátil porque por possuir uma textura líquida, além desses dois modos de uso, você ainda consegue fazer misturinhas de forma mais fácil. 

Um truque muito utilizado por maquiadores profissionais, é misturar um pouquinho do iluminador com a sua base de maquiagem (principalmente se a base for líquida, fica mais fácil ainda, né?).

Essa textura pode ser usada em qualquer tipo de pele. Uma sugestão para quem tem pele seca, é potencializar a hidratação da forma líquida diluindo o iluminador com algum hidratante facial.

Mas é claro que você deve usar pouco hidratante, para não perder o efeito luminoso do iluminador.

Além do hidratante facial, você também pode misturar com o seu hidratante corporal. Dessa forma, você pode passar por outras partes do seu corpo como nos seus ombros e pernas.

Por isso, o iluminador na versão líquida é o coringa da sua maquiagem. Você pode usar de diversas formas. Se você souber de mais alguma, não esquece de contar pra gente nos comentários, viu?

  • Os tons que você vai encontrar nessa textura de iluminador são: os mais claros de bege, pérola e champanhe.

3) Iluminador em lápis

O iluminador em lápis é uma versão bastante prática e versátil também. A principal diferença desse tipo de iluminador em relação às outras versões, é que por ser em lápis, ele tende a aderir e fixar melhor na sua pele.

Este tipo de iluminador pode ser aplicado em diversas áreas do seu rosto. Geralmente, o lápis iluminador é muito utilizado na área da sobrancelha. 

Você pode passar-lo abaixo da parte mais arqueada da sua sobrancelha, seguindo o formato dela, sem sair do desenho ou deixar muito marcado. Você pode tirar as marcações esfumando com um pincel de maquiagem esfumador.

O lápis iluminador também é muito utilizado nas pálpebras inferiores ou na linha d’água inferior dos seus olhos.

É uma boa dica para quem tem olhos pequenos porque ajuda a abrir o seu olhar e deixar seus olhos com a sensação de estarem um pouquinho maiores e poderosos. 

Outra região de aplicação é no arco do cupido da sua boca, é aquela região na parte de cima dos seus lábios superiores ou na pontinha do seu nariz

Em qualquer região que você for aplicar o iluminador em lápis, é importante esfumar, tentando evitar deixar qualquer marcação para obter um resultado mais natural e ninguém note logo de cara que você passou um lápis ali. 

A fixação desse iluminador depende de que antes de aplicá-lo, você garanta que a região de aplicação esteja bem sequinha para que ele dure por muito mais tempo.

  • Os iluminadores em lápis são encontrados nas cores de tons mais amareladinhos, beges e rosados.
  • Procure sempre pelo tom mais natural possível em relação a sua cor de pele.

4) Iluminador em

O iluminador em pó é a versão mais famosa dos iluminadores. A sua textura é a mais fininha dentre os iluminadores que te apresentamos aqui.

Costuma ser rico em partículas de brilho que te proporcionam um brilho bem intenso, garantindo uma make glamourosa e elegante por bastante tempo.

Possui um toque suave e bem aveludado, portanto, proporciona um efeito luminoso e radiante que também passa um ar delicadeza para a sua make. 

Mas, apesar de ter uma sensação suave na hora de aplicação, esse pó iluminador costuma ter uma pigmentação bastante forte, por isso, o ideal é que você vá passando na sua pele aos poucos e ir construindo as camadas de iluminação conforme a necessidade.

Essa textura iluminadora pode ser usada por todos os tipos de pele. Pode ser aplicado no canto interno dos olhos para realçar o seu olhar, usando aquele pincel para sombra ou a pontinha do dedo mínimo. 

Você também pode aplicar perto das suas têmporas, em cima do ossinho da maçã do seu rosto, para iluminar as suas bochechas. Para aplicar nessas regiões, o ideal é que você use o pincel de blush para evitar que fique marcado e para garantir um efeito mais leve e natural.

  • Os tons mais encontrados na versão em pó do iluminador são que tem nuances mais puxadas para o bege, dourado ou rosa.

5) Iluminador em bastão

O iluminador em bastão é uma variação do iluminador em creme. O formato bastão te garante mais precisão e segurança na hora de fazer o highlight perfeito no seu rosto.

Por isso, é uma escolha comum para quem quer apostar em iluminados mais diferentes e que exigem mais precisão na técnica de aplicação.

Você pode aplicá-lo diretamente no seu rosto, então pode ser um grande aliado para praticidade que o dia a dia exige da gente, né?

Mas lembre-se sempre de aplicar com calma, para evitar um iluminado muito marcado e um efeito artificial na sua make.

6) Iluminador em gel

O iluminador em gel é uma das versões mais novas dos tipos de iluminadores do mercado, por isso nem todo mundo conhece. Se você nunca tinha ouvido falar dessa textura antes, você vai conhecê-la agora!

Essa versão de iluminador é multifuncional: pode ser usado no seu no rosto e/ou corpo, sozinho ou misturado com hidratante, base, corretivo, até mesmo como sombra! 

A textura iluminadora forma em gel te proporciona brilho intenso, promove hidratação e tem a sensação leve e refrescante na hora da aplicação. 

Assim como o iluminador em creme, você pode contar com o auxílio de um pincel de maquiagem, esponjinha ou com a ponta dos seus dedos para aplicá-lo na região desejada. 

É muito importante que você espalhe bem para garantir um resultado mais natural.

A dica de construir a iluminação em camadas também é válida para essa textura. Vá aplicando em pequenas quantidades e adicionando o iluminador aos poucos para chegar no glow perfeito.

7) Iluminador em gloss

Acredito que junto com o batom, o gloss labial é um dos produtos que iniciam o nosso primeiro contato com o mundo da maquiagem. Mas, você sabia que ele também pode ser usado para finalizar a iluminação da sua make?

Dentro dos iluminadores mais conhecidos, não poderíamos deixar de citar o iluminador em gloss. Hoje, esse tipo de iluminador pode ser utilizado tanto como iluminador de pele quanto para iluminar os lábios e finalizar o batom que você utilizou.

A versão coringa do gloss iluminador é na versão transparente, porque você consegue utilizá-lo em qualquer tom de pele e por cima de qualquer batom ou acabamento.

O gloss iluminador promove aquele efeito de brilho molhado, tornando sua make mais sensual e elegante. Sua aplicação é muito fácil, afinal você consegue aplicá-lo com o próprio aplicador que vem no produto.

Se você é ligada nas tendências de moda, já deve ter ouvido falar nesse efeito molhado que na verdade, é conhecido como efeito glossy

Essa tendência remete à era Disco dos anos 1970 e 1980 e voltou a chamar a atenção por ter aparecido nos grandes desfiles internacionais de moda que aconteceram nos últimos anos.

O efeito molhado tem ganhado cada vez mais espaço nas maquiagens brasileiras. Entretanto, aqui no Brasil, o efeito matte ainda é o queridinho das mulheres por promover uma pele e lábios aveludados, trazendo elegância a maquiagem.

Apesar disso, o efeito glossy que é tão cobiçado quando falamos de iluminador em gloss, deve ser construído aos poucos porque a textura  mais “melosa” do gloss pode acabar deixando um efeito artificial e pesado.

Portanto, o ideal é que você vá dosando aos poucos a quantidade de produto antes e durante a sua aplicação.

Você pode utilizar a ponta dos seus seus dedos para ajudar a dosar a quantidade antes de aplicá-lo no seu rosto ou lábios, até porque ele pode escorrer ou borrar. 

A aplicação do gloss iluminador deve ser feita em regiões pontuais do seu rosto e corpo, nas áreas que você quer destaque. Também pode ser aplicado nas pálpebras e lábios. 

Você pode utilizá-lo aplicando o iluminador por cima do que você construiu de make com a sua base e o corretivo. Geralmente, esse produtinho é aplicado no alto das maçãs do rosto, abaixo das suas sobrancelhas e na zona T.

Você vai encontrar diversos tons de gloss iluminador, mas os tons mais utilizados são os gloss:

  • no tom de pérola, porque estes contêm um leve brilho e garante uma iluminação natural e sutil
  • os iluminadores com o tom transparente porque se adaptam fácil em qualquer ocasião ou situação de uso.

Para não correr o risco de criar uma iluminação artificial, recomendamos que você fique atenta no melhor acabamento para o seu tipo de pele e rotina.

Agora que você já sabe tudo sobre os tipos de iluminador, conta pra gente aqui nos comentários qual é o seu preferido!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *