absorvente ecológico: descubra mais sobre essa nova tendência

Absorvente ecológico? Descubra mais sobre essa nova tendência

Nunca antes na história da higiene íntima feminina houve uma gama tão variada de novos produtos e opções para as mulheres! O absorvente, já conhecido de longa data, agora também ganha uma repaginada.

Um dos primeiros produtos de higiene feminina a revolucionar o dia-a-dia das mulheres, o absorvente já foi de “toalhas higiênicas de pano” até o absorvente interno.

Já falamos que existem diferentes tipos de absorventes para cada necessidade e tipo de mulher, caso você não saiba, confira: Absorventes – saiba sua utilidade e quais os principais tipos disponíveis no mercado.

Pois o absorvente, da mesma maneira que produtos como pílulas anticoncepcionais e maquiagem, foi influenciado pelo empoderamento feminino, com novos conhecimentos e uma nova mentalidade para seu uso.

Assim, a nova tendência agora, com padrões de consumo sendo questionados e questões ambientais em alta, é o absorvente ecológico!

Sumário

Mas o que é um absorvente ecológico?

O nome pode ser um pouco confuso, mas ele é simplesmente um absorvente que não agride o meio ambiente. Seja por sua forma de produção, composição ou por simplesmente não acumular toneladas de lixo a longo prazo.

Ou seja, o absorvente ecológico pode também ser conhecido como absorvente reutilizável ou biodegradável. Esse produto, assim como o absorvente comum, pode ser dividido a partir de duas categorias principais:

  • absorvente externo
  • absorvente interno

Porém, dentro dessas duas categorias, os absorventes ecológicos variam em sua forma, uso, composição, etc.

Os absorventes comuns também variam dessa forma, saiba mais nesse post: Absorvente íntimo: quais são os tipos e texturas existentes no mercado e qual é o melhor para o meu caso?

Bom, vamos entender um pouco melhor sobre essas subcategorias do absorvente ecológico?

Tipos de absorvente ecológico externo

Esse tipo é o que mais pode variar em produtos disponíveis no mercado, e ainda é o mais escolhido pela maioria das mulheres, pela praticidade e conforto de ser externo.

Vamos lá?

Absorvente de pano

Uma repaginada nas antigas toalhinhas menstruais, os absorventes de pano são produtos feitos à base de algodão e tecidos hipoalergênicos, podendo possuir ainda botões para melhor fixação na calcinha.

absorvente ecológico: descubra mais sobre essa nova tendência.

Disponíveis em diferentes cores e estampas, são absorventes laváveis e reutilizáveis, contribuindo para diminuir a produção de lixo no planeta. Já são queridinhos das mulheres!

Calcinha absorvente

Como o próprio nome já diz, o produto é basicamente dois em um: uma calcinha reutilizável que também já serve como absorvente externo.

Produzido com tecidos absorventes que retém umidade e odores, as calcinhas fazem sucesso!

Possuem diferentes tamanhos e estilos, sendo versátil para quem tem fluxo pequeno e não precisa trocar de absorvente com muita frequência. Dispensa o incômodo da calcinha + absorvente, só vantagens!

Absorvente externo biodegradável

Uma evolução dos absorventes comuns, esse produto pode ser utilizado da mesma maneira, porém tem todo um cuidado em sua fabricação pensando na sua saúde e na natureza.

Fabricados em algodão orgânico, não são branqueados utilizando cloro, mas sim um processo envolvendo oxigênio.

Dessa forma, são bem menores as possibilidades de coceira, irritação ou assaduras na região íntima feminina.

O absorvente externo biodegradável está disponível em vários modelos e tamanhos. Para fluxo grande, médio ou pequeno, com abas ou sem abas, diurno ou noturno. Tem para todos os gostos!

Agora, vamos para a próxima categoria?

Tipos de absorvente ecológico interno

Esses produtos são uma evolução dos já conhecidos absorventes internos, porém com muito mais conforto.

Com uma nova geração de mulheres que quer maior autoconhecimento em relação a seu ciclo menstrual, maior liberdade e menos poluição, o absorvente ecológico interno é uma dar maiores tendências atuais.

Vejamos os tipos mais conhecidos:

Coletor menstrual

O queridinho das mulheres, esse coletor é feito com silicone especial e pode ser utilizado por até 12 horas seguidas sem esvaziar. O principal atrativo é sua durabilidade de até dez anos.

O coletor menstrual deve ser inserido no canal vaginal – e existem muitas dicas e truques para fazê-lo – onde ficará encaixado recebendo o fluxo menstrual.

Não há escape, nem risco de infecções bacterianas elo sangue oxidar no ambiente externo ao canal vaginal. Ele deve ser lavado a cada troca e fervido antes de ser guardado. Muita praticidade para uma rotina agitada!

Disco menstrual

Uma variação mais recente do coletor, o disco menstrual tem um formato mais curto e ovalado, devendo ser inserido bem na entrada do colo do útero.

O principal atrativo desse absorvente ecológico é a possibilidade da mulher ter relações sexuais durante o fluxo, sem precisar retirar o coletor, e sem sentir incômodo com a presença dele no canal.

Absorvente interno biodegradável

Um produto super recente no mercado é o absorvente interno biodegradável. Ele revoluciona ao ser descartável, mas não acumular poluição no meio ambiente.

Uma opção super indicada para quem não gosta de lavar e reutilizar absorventes, mas ainda assim se preocupa com a natureza!

Eles são fabricados com algodão orgânico biodegradável, sem produtos que agridam a região íntima e embalados em papel reciclável. O uso é exatamente igual ao absorvente interno comum.

Esponja menstrual

Um produto ainda polêmico em seu uso como absorvente, a esponja menstrual divide opiniões.

Sendo um produto de origem marinha, alguns ginecologistas ressaltam que é preciso mais testes para assegurar a segurança e higiene do produto. Todavia, outros afirmam que é muito útil e seguro.

As esponjas marinhas seriam recolhidas e higienizadas, então adaptadas como produto e vendidas para uso durante o ciclo. Elas são reutilizáveis e biodegradáveis.

A forma de uso seria mergulhando a esponja em água quente, espremê-la, para então inserir dentro do canal vaginal. Lá, a esponja se expandiria e encaixaria perfeitamente no canal, garantindo segurança e absorção.

Porém o produto deve ser trocado a cada três ou quatro horas, e tem durabilidade entre seis e doze meses.

Já conhecia? Então fica a dica!

Assim chegamos ao fim de nossas dicas sobre essa nova tendência do absorvente ecológico. O assunto ainda é muito extenso e as novidades na área não param de chegar!

absorvente ecológico: descubra mais sobre essa nova tendência.

A saúde da mulher e o autoconhecimento tornaram-se prioridade, assim como o cuidado em relação a nosso planeta.

O que você achou? Pronta para embarcar nessa nova forma de se proteger durante o ciclo menstrual?

Comente e nos diga o que preferiu!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *