Faz mal usar sabonete líquido íntimo? Saiba como utilizar corretamente

Que atire a primeira pedra quem nunca pensou se o sabonete líquido íntimo podia fazer mal para sua saúde genital. Desde que o sabonete íntimo chegou pela primeira vez às prateleiras das lojas, existia certas dúvidas sobre a necessidade e os riscos de se utilizar um produto para a região íntima.

Porém, agora possuímos muito mais informações disponíveis, e o sabonete líquido íntimo vem se desenvolvendo em sua composição. Está na hora de deixar esses tabus e mitos em relação a ele de lado.

E aqui vai um lembrete importante: sempre que tiver dúvidas a respeito de algum produto para a sua região íntima, procure se consultar com um médico ginecologista. O especialista poderá tirar todas as suas dúvidas e indicar o melhor produto, assim como a forma de uso.

Sumário

Mas afinal, pode fazer mal usar o sabonete líquido íntimo?

A resposta é: não!

Bem, da mesma forma que os demais produtos (de saúde, beleza, cosméticos, entre outros), o que pode fazer mal à sua saúde é utilizar um produto não indicado para você, ou utilizá-lo da maneira incorreta.

O sabonete líquido íntimo, por si só, não vai lhe causar nenhum problema à saúde da região genital. Esse produto foi criado e formulado especialmente para a higiene íntima, e dificilmente irá lhe trazer problemas quando bem utilizado e armazenado.

Assim, afirmamos que o uso é bem seguro, desde que siga as recomendações do fabricante e, se possível, do médico ginecologista. E já que estamos falando do que evitar para não prejudicar sua saúde íntima, vamos dar uma dica importante:

Sabonetes antibacterianos matam as bactérias, mas também sua saúde íntima!

Pois é exatamente como o título diz: fique longe de sabonetes antibacterianos quando for higienizar sua vulva. Primeiro, porque esses sabonetes foram feitos para a pele comum do corpo, e não foram formulados para os genitais, como o sabonete líquido íntimo.

Segundo, porque ele possui propriedades antibacterianas, e isso pode desregular sua flora vaginal, acarretando inclusive em infecções fúngicas!

A nossa vagina possui uma flora bacteriana natural, que ajuda a regular a saúde íntima e evitar infecções e proliferação de fungos. Quando os sabonetes bactericidas atacam essa flora, desregulam todo o ambiente e, em vez de te proteger, eles causam as infecções.

Portanto, fique longe dos sabonetes antibacterianos para questões de higiene íntima! Nunca utilize nenhum sabonete para a higiene interna do canal vaginal. O sabonete bactericida está sim liberado para o uso regular, mas mantenha o produto afastado das mucosas e genitais.

O sabonete líquido íntimo está liberado?

Está sim! Inclusive, a maioria dos ginecologistas irá lhe indicar o uso desse produto para sua higiene íntima. Porém, mantenha-se atento às recomendações tanto do médico especialista, quanto do fabricante do sabonete líquido.

A forma de uso indicada é a seguinte:

  • Não utilize o sabonete líquido íntimo dentro do canal vaginal!
  • Utilize o produto na região externa genital: na vulva e entornos.
  • Escolha o tipo de produto que mais lhe traga benefícios.
  • Procure por sabonetes líquidos íntimos que não sejam muito perfumados.
  • Utilize pouco produto, e enxague abundantemente após a higienização.
  • Tome banho com a temperatura da água não muito quente.
  • Procure não utilizar o sabonete líquido íntimo todos os dias.

Para mais informações nesse sentido, você também pode checar o post: Sabonete líquido íntimo, você sabe qual a maneira mais correta de utilizá-lo?

Lembre-se também, a forma com que armazena seu produto também interfere muito em seus resultados e possíveis efeitos de uso. Procure sempre manter seu sabonete líquido íntimo longe de luz solar direta e do calor excessivo.

Faz mal usar sabonete líquido íntimo? Não! Saiba como utilizar corretamente

Além disso, procure não retirar o produto de sua embalagem original. Caso precise trocar a embalagem, certifique-se de que seja uma que esteja corretamente higienizada e esterilizada em água quente. Pois assim não haverá nenhuma interferência na fórmula original do produto, ok?

Como eu vou escolher o meu sabonete líquido íntimo?

Em relação à escolha do produto ideal para você, o correto é que conheça bem sua saúde íntima e o que irá lhe trazer mais conforto e benefícios. Hoje em dia existe uma variedade muito grande de produtos à sua escolha.

Por exemplo, se você utilizou muitos remédios antibióticos orais ou tópicos na região íntima, será interessante procurar por um sabonete líquido íntimo com propriedades pro bióticas.

Eles irão auxiliar na restauração da sua flora bacteriana vaginal, melhorando a sua regulação e evitando futuras infecções fúngicas, como a candidíase vaginal.

Mas e se você está preocupada com a questão do sabonete líquido íntimo poder lhe dar alergias? Bem, nesse caso, recomendamos que procure por um produto que informe em seu rótulo ser hipoalergênico em sua composição, e preferencialmente que não possua perfume.

Também, caso isso seja uma preocupação sua ou do seu ginecologista, os sabonetes líquidos íntimos possuem o poder de regular o PH vaginal, e muitos possuem em sua formulação o ácido lático. Esse ácido não interfere na flora da região íntima, e auxilia na sua regulação.

Para resumir, falamos dos seguintes tipos de sabonete líquido íntimo:

  • Probiótico.
  • Hipoalergênico.
  • Sem perfume.
  • Regulador de pH com ácido lático.

Existem ainda os produtos veganos. Eles não são testados em animais, com diferentes fragrâncias e formulações. Busque aquele com que se identificará mais e que servirá melhor à sua rotina!

Faz mal usar sabonete líquido íntimo? Não! Saiba como utilizar corretamente.

E uma última dica: o sabonete líquido íntimo pode ser dividido entre mais de uma pessoa, já que não entrarão em contato direto com o produto dentro da embalagem.

Porém, tome cuidado, o ideal é que nenhum produto voltado à saúde e higiene íntima seja compartilhado com outras pessoas.

Agora, da próxima vez que ouvir alguém questionando a utilidade e a segurança do uso de um sabonete líquido íntimo, você terá muitas informações para adicionar na conversa.

Não deixe mais que a falta de informações ou tabus relacionados à higiene íntima atrapalhem a sua saúde.

Assim chegamos ao fim das nossas dicas. Espero que tenham gostado e encontrado muitas informações novas para recomendar o uso correto do sabonete líquido íntimo para as outras pessoas!

Ainda tem alguma dúvida? Deixe seu comentário abaixo, queremos saber suas questões e sua opinião.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *